segunda-feira, 24 de agosto de 2015

Homenagem de Lygia Prudente a seu Pai Luciano

Luciano e sua neta Simone.

Sempre presente - PAI!
Por Lygia Prudente.

Meu Pai! Nós o perdemos muito cedo também, aos 60 anos, mas aproveitamos muito bem o tempo que nos foi dado pelo destino. Nós o tínhamos sempre ali, junto, no seu papel de pai protetor, responsabilidade que cumpriu com afinco. Sempre muito firme, deixou um legado de ensinamentos que hoje o faz presente nos momentos da nossa vida, na educação que passamos. Na sua introspecção, não era de manifestações fervorosas mas sentíamos o carinho e a adoração que tinha pela família e seus três filhos. Pouco conviveu com os netos e alguns deles não chegou a conhecer.
  

Ainda ouço o portão da minha casa abrindo no sábado bem cedinho, quando vinha para que eu desse um trato especial nas suas unhas, bem como quando chegava sussurrando: " se eu comprar bacalhau, você faz aqueles deliciosos bolinhos?". Eu era a mais velha dos três e única mulher, o que me levou a dividir com ele os 13 anos de preocupação com a saúde da minha mãe, noites mal dormidas e dias comprometidos com a responsabilidade de tornar amenos e mais toleráveis os momentos de dor intensa. A saudade ainda aperta, mas nos nossos corações, ele está muito presente, vivo. O amor é incondicional e não se explica. Comemoramos o Dia dos Pais, com a presença espiritual do nosso Luciano, querido, amado e respeitado sempre!

Texto e imagem reproduzidos do Facebook/Lygia Prudente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário